Foto: Como escolher o piso do seu imóvel?

Categorias: Administração do Lar, Arquitetura e Decoração, Novidades,

Como escolher o piso do seu imóvel?

Postado por • 20 outubro 2015

Para criar um ambiente aconchegante e elegante dentro de casa, é preciso investir no piso do seu imóvel. Eles compõem o ambiente com outras peças da decoração e valorizam as áreas do apartamento. No entanto, não é só pela aparência que um revestimento deve ser escolhido. O piso ideal precisa atender as necessidades dos moradores e ao orçamento da obra.

Pensando no desafio que essa escolha representa, separamos algumas dicas sobre qual tipo de piso é melhor para cada tipo de decoração e como escolhê-lo pensando também nos hábitos e costumes dos moradores. Mesmo que as opções sejam muitas, você pode diminuir o leque com algumas análises: características do imóvel, necessidades de uso e de prazo para o fim da obra e o custo do material.

05

Pisos quentes

Esse tipo de revestimento é mais recomendado para quartos e salas, já que provocam a sensação de aconchego e intimismo. Fora isso, são super confortáveis para quem anda descalço. E o melhor: geralmente combinam bem com qualquer mobília desses cômodos. Entre alguns exemplos da categoria de pisos quentes estão:

Piso de Borracha

Recomendado para quartos de criança, escritórios e banheiros por ser antiderrapante, resistente, impermeável e bom isolamento térmico. E o melhor: de fácil aplicação. O piso ajuda a reduzir os ruídos e permite desenhos diferentes e criativos, além de estar disponível em várias cores. Também é fácil de limpar e pode ser moldado para não ter canto, subindo na parede.

Taco de madeira

Antigamente, o revestimento era bastante popular em casas e apartamentos, mas hoje em dia está quase extinto. Os motivos? A instalação não é fácil, nem rápida, já que depois de colocar os tacos é preciso lixar. O pó liberado é tão fino que se acumula em frestas quase impossíveis de limpar. Além disso, não pode ser colocado em ambientes úmidos e tendem a ser danificados mais facilmente com riscos e arranhões. As vantagens giram em torno da alta durabilidade e restauração capaz de transformá-los em pisos quase novos.

Piso laminado

Fácil de limpar e de instalar, já que não precisa ser lixado ou envernizado. O piso laminado também não risca com facilidade e possui uma bela apresentação para quem entre no ambiente. Recomenda-se a instalação em áreas como salas e dormitórios. A desvantagem é que em contato com água ou qualquer outro tipo de umidade, o piso pode sofrer danos. Além disso, o contrapiso precisa estar nivelado.

Madeira

Este tipo de revestimento é ideal para quem busca um ambiente chique e rústico. Há vários tons para combinar com seu apartamento. O piso de madeira é indicado para famílias com filhos pequenos, já que é um piso quente e por isso ideal para brincar no chão ou andar descalço.

Piso de vinil

O queridinho em projetos modernos. Quando esse piso é fabricado com materiais reciclados, torna-se a opção mais ecologicamente correta. O piso de vinil é macio e térmico, o que proporciona uma boa dose de conforto para os moradores. Por isso, é indicado para ambientes internos. Apresenta resistência ao atrito, não arranha, é fácil de limpar e torna o ambiente bem confortável.

02

Pisos frios

Os pisos frios são uma boa opção para ambientes como banheiro, cozinha, área de serviço e áreas abertas. Esses lugares costumam sofrer incidência constante de água e precisam que a limpeza seja fácil. Você pode personalizar a cor do rejunte das placas cerâmicas, seguindo a tendência das cores na decoração da sua casa.

Porcelanato

Muito versátil já que pode dar um ar elegante ao ambiente. O porcelanato serve como substituto do mármore, com as vantagens de ser mais barato, imune à manchas e fácil de limpar. O porcelanato tem alta resistência à abrasão, durabilidade e uma gama imensa de tons e texturas. É ideal para ser instalado em banheiros.

Mármore

Um dos pisos mais elegantes e caros no mercado, o mármore traz uma sensação de organização e limpeza para qualquer ambiente. Você pode utilizar o material em salas de estar, quarto, cozinha e banheiro! Mas cuidado: por ser um poroso, o piso de mármore pode manchar facilmente. Se você está disposto a investir uma boa quantia no piso, escolha o material de melhor qualidade.

Cimento ou concreto

O material para construir é uma das tendências atuais para decorações com um ar contemporâneo. Como o piso fica sem emendas, é o tipo mais indicado para quem não quer se preocupar com a limpeza. A instalação precisa ser feita com mão de obra especializada, mas a manutenção não custa praticamente nada.

Seja qual for o piso escolhido, tenha em mente que ele deve ser adequado ao ambiente para não ter problemas com a conservação depois. Uma alternativa para isso é mesclar os tipos de piso.

Ficou com alguma dúvida sobre como escolher o piso do seu imóvel?
Escreva o seu comentário!

Quer Receber nossas novidades?

ar