Foto: Comprar um imóvel decorado é um bom investimento?

Categorias: Arujá, Investimento,

Comprar um imóvel decorado é um bom investimento?

Postado por • 04 setembro 2017

O mercado imobiliário brasileiro é muito forte e, por isso mesmo, repleto de opções interessantes para quem pensa em adquirir uma propriedade. No entanto, isso faz com que muitos compradores em potencial fiquem em dúvida sobre o tipo de imóvel em que vão investir. Uma das dúvidas frequentes é justamente se comprar um imóvel decorado é um bom investimento.

Esse tipo de unidade chama bastante atenção em um primeiro momento, pois serve como uma forma das incorporadoras exibirem a boa qualidade do empreendimento e as suas possibilidades para os futuros moradores.

Quer aprender um pouco mais sobre o tema? Então confira o conteúdo a seguir!

Avalie o custo-benefício do imóvel decorado

O primeiro passo para compreender se o imóvel decorado é um bom investimento é avaliar o seu custo-benefício. O preço dessas unidades tende a ser, logicamente, mais elevado, mas quando você perceber que os materiais são de primeira linha e as escolhas são de boa qualidade, esse tende a ser um investimento bastante interessante.

Essas propriedades normalmente são lindas e servem como inspiração para quem pretende adquiri-las, e é exatamente por isso que as incorporadoras capricham bastante no seu visual. Dentro desse contexto, você pode economizar tempo e dinheiro se achar um apartamento que atenda aos seus gostos e preferências à disposição no mercado.

Saiba o que checar no imóvel decorado

Mobília

Um dos primeiros artigos que você não pode deixar de checar com atenção nos imóveis decorados é a mobília. Isso é extremamente importante porque, entre outras coisas, as incorporadoras usam um expediente bastante esperto nessas unidades: projetam objetos menores para passar uma impressão de mais amplitude para os visitantes.

Sendo assim, veja se os sofás e as mesas estão em uma escala proporcional ao que você teria naquele ambiente, por exemplo. O mesmo princípio vale para camas, armários, estantes, pias e demais itens da unidade. Não tenha vergonha de levar a sua fita métrica e fazer a comparação com o que você possui em casa!

Detalhes

Outro ponto crucial é dar atenção aos pequenos detalhes, tanto dos objetos de decoração quanto da própria estrutura da unidade. Lembre-se que a incorporadora está tentando vender um sonho para os clientes e, para isso, não medirá esforços para adornar os ambientes ou disfarçar pequenas falhas.

Arquitetos e decoradores abusam da criatividade, e um bom exemplo disso são espelhos e lustres com molduras muito rebuscadas. Embora eles possam parecer suntuosos e elegantes em um primeiro momento, será que você terá o tempo e a paciência necessários para fazer a manutenção e a limpeza desses itens todos os dias? Pense nisso!

Contrato

Por fim, se você optar pela aquisição de um imóvel decorado, não abra mão de dar uma boa olhada no contrato. É importante visitar o local, ler o memorial descritivo e verificar todas as alíneas do acordo para garantir que você não estará comprando gato por lebre. Exija ver pessoalmente a formalização em minuta.

Confira o que virá incluso na compra e o que não virá. Possivelmente, nem tudo que estará na amostra chegará com a compra. Aproveite esse ensejo também para negociar com a incorporadora e barganhar descontos ou outras vantagens.

Por falar em decorados, você já teve a oportunidade de ver um desses apartamentos virtualmente? Faça uma visita em realidade virtual ao decorado do Residencial Horizontes, empreendimento da Eko em Arujá!

Quer Receber nossas novidades?

ar