Foto: Valorização de imóveis: 5 dicas essenciais para trocar de moradia

Categorias: Arquitetura e Decoração, Investimento, Mercado Imobiliário,

Valorização de imóveis: 5 dicas essenciais para trocar de moradia

Postado por • 22 maio 2017

Decidiu se mudar para um lar melhor e quer vender o imóvel antigo? Existem formas efetivas de aumentar a valorização de imóveis, facilitando tanto a compra quanto a venda. Mas enganam-se aqueles que acreditam que é necessário investir preços exorbitantes para ter resultados expressivos.

Pelo contrário: com algumas ações simples e efetivas é possível tornar o espaço muito mais atrativo. Quer saber como? Então, leia na íntegra o conteúdo abaixo!

1. Invista na manutenção regular

Um imóvel com danos na estrutura, definitivamente, passa uma impressão negativa para possíveis locatários ou compradores, fator que prejudica a negociação. Por isso, cuide bem do seu investimento, realizando as devidas manutenções.

Solicite o conserto de tudo que apresenta qualquer tipo de problema, desde falhas hidráulicas até elétricas. O ideal é ter um imóvel impecável, sem pisos quebrados ou arranhados, paredes furadas ou pias rachadas.

2. Aposte em um profissional de home staging

Relativamente novo no mercado brasileiro, o profissional que atua como home staging é responsável por fazer uma espécie de repaginação no imóvel, proporcionando uma nova aparência. Com o serviço, é a imagem que favorece a valorização de imóveis na hora da venda.

Normalmente, os profissionais mais aptos a realizar tal função são da área de arquitetura e design de interiores. Uma das técnicas utilizadas por eles é preencher o espaço com decorações e móveis que cativam o potencial cliente. E, claro, após a venda, a mobília é recolhida.

3. Mantenha a documentação em dia

Não são raros os casos em que o cliente pretende fechar o negócio, mas desiste de finalizar a compra ou locação devido aos documentos atrasados e/ou irregulares.

Para que isso não seja um empecilho, mantenha toda a documentação em dia. Lembre-se de que a escritura deve estar em seu nome e algumas obras precisam de autorização para serem realizadas. Não se esqueça também de pagar corretamente o IPTU.

Sem sombra de dúvidas, ter no momento da negociação toda a documentação já regulamentada é uma forma de valorizar o seu negócio.

4. Capriche na fachada

Às vezes, o interior do imóvel é invejável, sendo extremamente organizado e limpo. Entretanto, a fachada deixa a desejar, apresentando graves problemas, como pichação e rachaduras.

Essa característica pode fazer com que a pessoa até desanime de conhecer o imóvel. Afinal, tanto um potencial locatário quanto comprador analisam o ambiente como um todo — isso inclui a parte externa do imóvel.

Para eles, ter uma fachada descuidada transmite a imagem de que aquele local não é tão bom quanto pensavam. Portanto, certifique-se de que a área externa está em boas condições, apresentando acabamentos diferenciados. Caso negativo, tenha uma conversa com os responsáveis pelo condomínio e aborde com delicadeza o assunto.

5. Opte por cores suaves

Pintar as paredes com cores claras é o mais indicado. Aposte, por exemplo, nos seguintes tons: nude, pastel, off-white, pérola e branco. Essa simples atitude garantirá pontos extras com os interessados no imóvel.

Tenha em mente que utilizar cores escuras ou fortes agradará um público mínimo, que tem um gosto peculiar. Além do mais, tonalidades mais suaves passam a sensação de que o ambiente é maior e tem luminosidade. Portanto, deixe o imóvel com cores mais sóbrias.

A valorização de imóveis é uma estratégia eficaz para garantir bons rendimentos, mas é um processo que exige atenção e bom senso do proprietário. Para não ter erro, basta se colocar no lugar do cliente e entender o que ele considera essencial no imóvel.

Ainda não achou um bom lugar para se mudar? Que tal um apartamento de alto padrão em Pindamonhangaba? Veja por que o Maximus Residence é referência para estilo de vida e aproveite as últimas unidades!

Quer Receber nossas novidades?

ar